15 novembro 2016

Semanas de gratidão

Motivo nº:n+102

"QUERO MÚSICA, QUERO OUVIR MARIANA, QUERO BLOCO DE NOTA, PASTA E CANETA" QUERO LINGUÍSTICA TAMBÉM, PORQUE LINGUÍSTICA... LINGUÍSTICA É MAIS AMOR <3

Pelo amor de Jesus Luz. Tenho notas sobre a ausência de posts e a demora para responder os comentários.
Bom, já disse que as aulas voltaram e tal. Mas essa semana foi de tirar o chapéu. E esse é o exato tema para esse post.
Hoje, depois de uma semana (ou mais, não sei) sem dar as caras por aqui, venho falar para vocês sobre a semana mais atarefada, porém também a mais fofa que eu passei na UFSCar, no que diz respeito à realização de atividades acadêmicas. Para começar que, depois de um feriado prolongado (do dia 2 até dia 6), quando voltei estava cheia de coisas para fazer, além da perspectiva de participação do SPLIN/SPL, o seminário dedicado à Linguística!!! *-*
O SPLIN/SPL - ou Seminário de Pesquisas de Pós-Graduação em Linguística/ Seminário de Produção em Linguística - é um evento anual que objetiva a apresentação da produção dos trabalhos acadêmicos das diversas áreas da Linguística. São três dias de apresentações de TCC e trabalhos da pós, mesas de debate, apresentação de pôsteres e minicursos. Além de participar como ouvinte me dispus à atividade de monitoria, e foi bem interessante saber o que acontece por detrás dos bastidores do evento.
Falarei das seções em que estive presente :)
Para começar, ganhamos uma pasta fofa, um bloco de notas mais fofo ainda e uma caneta da ALED *-*

Na quarta-feira (09) deu-se início ao evento com a apresentação de um graduando da minha turma, o Willy (sim, esse é o verdadeiro nome da pessoa, o cara é um artista, não poderia dar-lhe um pseudônimo para falar sobre ele aqui), que cantou e tocou no violão uma música de própria autoria. Sim, o cara manja das arte. Em seguida houve mesa redonda com a palavra dos profes Luiz Francisco Dias, da UFMG, Plínio Almeida Barbosa, da UNICAMP, Sandra Mari Kaneko Marques, da UNESP, e Petrilson Alan Pinheiro da Silva, da UNICAMP, que falaram sobre as contribuições dos estudos linguísticos no cenário brasileiro. 
Na quinta (10), tive o mini-curso sobre Coleta de Dados em Mídias Sociais para Pesquisa Acadêmica, ministrado pelo Doutorando Tarcízio Roberto da Silva (Comunicação Social/ UEMSP), e pela tarde participei como monitora nas apresentações de TCC.
Na sexta (11) tive o mini-curso ENSINO DE LÍNGUA E DISCURSO: PROCESSOS DE SUBJETIVIDADES Ministrado pelo Prof. Dr. André Stefferson Martins Stahlhauer e Doutoranda Jorcemara Matos Cardoso (UFSCar).
Sobre a experiência como monitora, eu estava com medo de fazer algo errado. Nesse ponto, devo lembrar que já disse aqui no post sobre minha infância que eu era uma criança tímida, mas falante contida. E depois na adolescência era mais desinibida. Porém ultimamente estava tendo dificuldades em lidar com o público. Então fiquei preocupada com este quesito, pois como monitora teria que controlar o tempo das apresentações e falar em público. Ou seja, medão. Quando o Pedro falou sobre a candidatura às monitorias, fiquei apreensiva, mas decidi enfrentar meu medo. E deu tudo certo no fim. Além de superar meu medo de falar em público, a experiência me fez aprender muito, um conhecimento para a vida, ah! além do que, monitores tiveram direito à camiseta do evento u.u Muito grata por tudo isso. :)
Que venham os próximos seminários!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua interação é sempre bem-vinda!!
Deixe seu comentário acompanhado do link do seu blog que retribuo a visita!! E não esqueça de seguir também para acompanhar as atualizações!

Página Anterior Próxima Página Home
Layout criado por