11 junho 2016

DIY: À sombra dos sonhos

Motivo nº:n+68

UM DIY PARA VOCÊ QUE É DE HUMANAS, DE EXATAS OU DIVERGENTE. 
Eis que aqui estou trazendo um DIY (que fiz há mais de mês) e que envolve tinta, roupa manchada com produtos de cabelo e filtro dos sonhos.
A tarefa diz sobre consertar uma camiseta que minha mãe gosta muito, mas que, devido a umas reações químicas que aconteceram num salão de beleza, ficou manchada com um efeito parecido ao de água sanitária.
Plano: desenhar um filtro dos sonhos.
Acabei de tirar as medidas dos arcos, porque esse vai ser um DIY completo hahauau, isso mesmo. E, bem, acabei por refletir se as ciências exatas explicam as coincidências das medidas. Provavelmente sim, porque são de fato muito exatos no que diz respeito a quantificar e justificar medidas. Enfim, vamos voltar a este trampo porque... porque é necessário e, como sou de humanas (e como também vejo "uma significação em todas as coisas") vamos dar continuidade aos trabalhos.
Logo, embora eu tenha encontrado tampas e potes redondos no armário da cozinha que fossem proporcionais ao desenho, as medidas são as seguintes:

Círculo maior: 
  • C= 66 cm
  • d= 20 cm
  • r= 10 cm
Círculo médio:
  • C= 33 cm
  • d= 10 cm
  • r= 5 cm
Círculo menor:

  • C= 20 cm
  • d= 6,5 cm
  • r= 3,25 cm
Voltando a citar os paranauês das exatas, pelo menos isso eu lembrava e, só pra confirmar, dei uma consultada no Google, para ter exatidão nas medidas (porque medi com um cadarço), temos a fórmula do comprimento da circunferência.
Okay, melhor explicar (ou relembrar) direito. Um círculo tem as seguintes medidas básicas: 
onde c é a circunferência, r é o raio e d é o diâmetro. Para termos exatidão no valor da circunferência temos:

C= 2πR (circunferência igual ao dobro de pi vezes raio)

p.s.: Pi = aprox. 3,14

Enfim. Deve ter batido uma saudade de ser divergente e agir um pouco sobre a magia das exatas pra poder explicar todo esse trampo que tive pra compartilhar esses cálculos com vocês (cáaalcuuloosss=arrepiiiio).
A questão é que, se eu aplicar a fórmula para as medidas de raio que encontrei temos:


  • Círculo maior:C= 2 * 3,14 * 10 = 62,8 (que é próximo de 66)
  • Círculo médio:C= 2 * 3,14 * 5 = 31,4 (que é próximo de 33)
  • Círculo menor:C= 2 * 3,14 * 3,25 = 20,14 (que é muito próximo de 20 ahauhaua)

Certo, sem mais delongas é disto que você vai precisar:


  • Moldes de papelão com as medidas descritas acima;
  • Réguas, fitas métricas, lápis, papelão e até mesmo cadarços se for o caso, para fazer os moldes;
  • Giz de tecido (ou lápis 6b que é bem grosso);
  • Tintas de tecido preta e branca;
  • Pincel fino
  • E, claro, uma camiseta
Como sempre digo, o mais importante é bolar o desenho antes (até mesmo rascunhá-lo num papel).
Optei por fazer o círculo maior e com o círculo médio tracei o interior da seguinte maneira:
Primeiro um círculo
Depois outro na extremidade oposta
Mais dois formando uma cruz
Imagine uma cruz sobreposta e cruze com o desenho já feito
Creio eu, essa parte da descrição dos círculos é a mais difícil de fazer. Depois do círculo maior principal, você usará o círculos médios e desenhará dois abaixo do maior de modo que fiquem distantes um dos outros. Agora é só repetir o processo com os círculos menores.
As penas são feitas de acordo com a sua criatividade.

Pinte as penas. Contorne tudo no fim.
Resultado:








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua interação é sempre bem-vinda!!
Deixe seu comentário acompanhado do link do seu blog que retribuo a visita!! E não esqueça de seguir também para acompanhar as atualizações!

Página Anterior Próxima Página Home
Layout criado por